O que você já teve que sacrificar para poder ser você mesma? | Por Tami

O que você já teve que sacrificar para poder ser você mesma? | Por Tami

Eu vivi um ano e meio da minha vida correndo atrás do vento achando que tudo o que eu tinha era uma pessoa que me fizesse sentir bem. Realmente, no fundo eu só tinha isso e não tinha o que é mais importante para qualquer pessoa: valores. E a culpa era toda minha que estava colocando a minha felicidade na vida dos outros. Foi difícil acordar, mas quando eu realmente encontrei quem eu era, vi que estava completamente vazia de mim mesma e o medo de perder qualquer ponto de segurança se transformou em uma vontade absurda de arriscar e ganhar vida!

O que você já teve que sacrificar? Uma amizade? Um relacionamento? O seu maior sonho? 
Muitas podem ser as respostas para essa pergunta. O processo é, sem dúvida nenhuma, tão doloroso que parece que essa corrida em busca da verdadeira identidade não terá fim, mas acredite, é apenas um processo.

Deixa eu te dizer algo de irmã pra irmã: para ganhar algumas coisas precisamos deixar outras de lado. Para poder alcançar novas fases da vida precisamos abrir mão do passado, viver o presente e sonhar com o futuro. E se for preciso deixar algumas coisas de lado nessa jornada, deixe!

 Começar não é fácil e sair da zona de conforto é como mexer em um ninho de marimbondo… Você cutuca aquilo já sabendo que vai doer.

Mas, toda vez que nos abrimos para mudanças, entramos nesse processo de sacrificar coisas que estão em nós mas que não são nossas e redescobrir quem somos, existem 3 coisas que você NUNCA podemos perder:

1. Abra mão de tudo, menos da sua FÉ (mesmo que ela esteja pequena)
.
Você já ouviu sobre a história de Jó? Ele perdeu tudo menos a esperança e recebeu duas vezes mais. 
E José? Foi desprezado, humilhado e vendido por pessoas que amava, mas o coração e os olhos dele, mesmo em momentos difíceis, estavam voltados para quem realmente o conhecia: Jesus.

2. Abra mão de tudo, menos do seu TEMPO COM DEUS.
A famosa arca de Noé, conhece? Noé foi chamado de louco por fazer isso, mas tinha convicção do que o Pai falou e isso era o motivo que ele precisava para continuar. 

É nesse momento de intimidade que Ele falará para você o seu valor e é aonde você poderá pegar a força que precisa para enfrentar qualquer coisa.

3. Abra não de tudo, menos dos seus VALORES.
São eles que dizem quais são as suas prioridades, seus pontos fortes e fracos. Estar segura de seus valores e refletir sobre cada um deles mostrará que tipo de pessoa você é. Claro, valores podem mudar, mas não faça isso por pressão ou porque está vivendo em função de outros. Você é livre, seja quem Deus te desenhou para ser e seus valores te guiarão nesse caminho.

Não se sinta perdida, frustrada e muito menos perdedora. Aliás, quando essas pensamentos vierem em sua mente responda com essas afirmações: se tem alguma coisa perdida aqui que seja a minha insegurança; se estou deixando alguém frustrado que seja o meu  medo; se existe alguma perdedora nesse lugar que seja a minha imaturidade, pois estou me redescobrindo e crescendo como ser humano.

Tenha força e coragem para ser simplesmente você mesma. 

Encerrar ciclos não é fácil, mas se faz necessário quando se quer subir para outro degrau.

Com amor, Tami =)

Deixe uma resposta