Práticas que renovam nossa mente | Por Juliana Turra

Práticas que renovam nossa mente | Por Juliana Turra

“E não vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que proveis qual é a boa, agradável e perfeita vontade de Deus” – Romanos 12:2

Quando experimentamos renovar a mente à medida que achamos válido, nós nos condicionamos a viver de acordo com os limites humanos e nosso próprio conhecimento.

Em nosso manual da vida, a Bíblia, na carta aos Romanos, é nos dada a instrução para renovarmos nossa mente. Talvez esse verso seja conhecido por todos, mas existem ainda muitas dúvidas de como colocar em prática essa simples ação.

O Pai sabe que temos e MANTEMOS muitos bloqueios e essa é uma das razões para não compreendermos Sua vontade. Apesar do espiritual ser invisível e transcender o nosso entendimento, Deus nos da capacidade para compreender muitas coisas, sejam elas espirituais ou não.

Como posso renovar a minha mente para então experimentar a AGRADÁVEL, BOA E PERFEITA vontade de Deus? A seguir algumas dicas práticas de como manter sua mente renovada diariamente:

1. Faça leitura da bíblia constantemente

“Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção e para a instrução na justiça, para que o homem de Deus seja apto e plenamente preparado para toda boa obra.” – 2 Timóteo 3:16-17

Tudo o que precisamos saber para vivermos de acordo com a vontade de Deus está na Bíblia, portanto ela deve ser a base para analisarmos frequentemente nossa conduta e nossos pensamentos. Se existe mentalidade rígida e sem indícios de mudanças e o sentimento de bloqueio do seu “próximo nível”, seja em intimidade com Deus, na vida familiar, acadêmica, financeira ou em outras áreas, está na hora de renovar sua mente e se inspirar nas instruções de Deus.

2. Tenha Fé

“Porque pela graça que me é dada, digo a cada um dentre vós que não pense de si mesmo além do que convém; antes, pense com moderação, conforme a medida da fé que Deus repartiu a cada um.” – Romanos 12:3

“Ora, a fé é a certeza daquilo que esperamos e a prova das coisas que não vemos.” – Hebreus 11:1

Afinal, queremos ou não desfrutar da vontade de Deus? Se desejamos, precisamos de Fé. Não podemos mensurar a vontade do Pai, vai além da nossa imaginação pensar em tudo que é PERFEITO, AGRADÁVEL E BOM. Somente pela fé nós conseguimos esperar e receber aquilo que vem de Deus. E através da bíblia e dos testemunhos, a nossa fé é aguçada e nossa mente se abre para o novo e o humanamente impossível.

3. Seja intima de Deus

“O segredo do Senhor é com aqueles que o temem; e ele lhes mostrará a sua aliança.” – Salmos 25:14

“O Espírito do Senhor repousará sobre ele, o Espírito que dá sabedoria e entendimento, o Espírito que traz conselho e poder, o Espírito que dá conhecimento e temor do Senhor. E ele se inspirará no temor do Senhor. Não julgará pela aparência, nem decidirá com base no que ouviu; mas com retidão julgará os necessitados, com justiça tomará decisões em favor dos pobres. Com suas palavras, como se fossem um cajado, ferirá a terra; com o sopro de sua boca matará os ímpios.” – Isaías 11:2-4

A intimidade com Deus faz aumentar o nosso temor a Ele e o desejo de compreender a sua vontade dia após dia. Nos tornando íntimas de Deus teremos o Seu Espírito a todo e qualquer momento soprando suas verdades em nós.

O Espírito de Deus nos dá liberdade e somente através Dele deixamos de nos tornar pessoas religiosas, julgadoras e donas absolutas da verdade.

O Espírito de Deus nos fornece tudo o que necessitamos para nossa mente se tornar irrepreensível, tornando-a renovada e preparada para o que vier.

SEJA INTENCIONAL, QUEIRA ESTAR NA PRESENÇA DE DEUS, DESEJE SER ÍNTIMA DELE.

4. Avalie-se humanamente

“E o mesmo Deus de paz vos santifique em tudo; e todo o vosso espírito, e alma e corpo, sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo.” – 1 Tessalonicenses 5:23

“De sorte que haja em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus, Que, sendo em forma de Deus, não teve por usurpação ser igual a Deus, Mas esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens; E, achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo, sendo obediente até à morte, e morte de cruz.” – Filipenses 2,5-8.

Jesus veio ao mundo como HOMEM, mesmo sendo Ele DEUS. Ele veio em semelhança ao homem para nos ensinar muitas coisas, mas em suma, veio para demonstrar que Deus se importa com as pessoas. Ele não precisava se avaliar para saber se estava tendo compaixão ou não, se estava julgando ou não, pois possuía a natureza de Deus, sendo assim, amor (pois Deus é amor). Do mesmo modo Jesus possuía características psicológicas e intelectuais humanas (emoções: dor, ira, indignação, alegria, angustia, entre outras).

Isso quer dizer que temos de ser um humano perfeito como Cristo? Isso quer dizer que temos que carregar o PADRÃO DE HUMANIDADE Dele.

A tricotomia humana consiste em corpo, alma e espírito, e muitas vezes nos tornamos seres mais espirituais do que humanos (e vice-versa), deixando de buscar equilíbrio e o nivelamento adequado que proporcione em nós a mente segundo a vontade Deus.

Alerta: Cuidado para não se nivelar com os padrões do mundo ou de uma religião, isso é se conformar e construir uma muralha que te separa daqueles que Jesus precisa alcançar através da sua vida. Saiba que o padrão sempre será Cristo.

Dica extra: Se pintar dúvida, pergunte: Jesus o que devo fazer? Como devo fazer? Quando devo fazer?

Lembre-se que sua mente só será renovada à medida que você desejar e fazer uma busca intencional por essa transformação. Não se sinta satisfeita com a última revelação recebida ou preocupada com o “tamanho” de importância que ela tem para outras pessoas. Peça e busque por revelações frescas todos os dias e não menospreze nenhum ensinamento, ainda que pareça simples. O Espírito de Deus quer soprar as verdades de Deus sobre nós!

E nunca se esqueça: Deus fala o tempo todo seja de maneira extravagante e cheia de evidências como de maneira sútil, basta você absorver para “arejar” a sua mente.

Com amor, Ju.
@juliana.turra

Deixe uma resposta